Total de visualizações de página

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Três Dimensões

As três dimensões foram apontadas para superar os desafios do serviço social na atualidade, logo o assistente social deve dominar cada uma delas. E ter conhecimento que e não podem ser separadas, pois isso acarretaria numa despolitização e fragmentação,  logo retornaríamos a erros cometidos no passado histórico do serviço social. Vale mencionar que se trata de uma articulação entre teoria e pratica, investigação e intervenção, pesquisa e ação, ciência e técnica, sendo essas afirmações de Charles Toniolo em seu texto .
Dimensão  Ético-politica:  A dimensão ético-política  nem sempre esteve visível na pratica profissional. Tal debate tem inicio no período de 1979 á 1985, momento que acontece  o movimento de Renovação do serviço social na direção da ruptura. O debate tem dois sentidos: negação do caráter “apolítico “ e “neutro “e afirmação do compromisso com as classes subalternas, criticando o conservadorismo .Nos primeiros momentos, a discussão sobre a dimensão ético – política  provocou alguns equívocos  na interpretação, que se refletiram na intervenção.
    Logo, o assistente social não pode ser neutro, ela deve se posicionar politicamente diante da realidade, para intervir nela, e assim ter consciência de qual é a direção a ser seguida. Vale mencionar que o conhecimento do código de ética profissional é fundamental para tal atuação.

   Dimensão  Teórica- metodológica: O profissional tem que estar por dentro da realidade e das demandas dos seus usuários, mas através de estudos mais abrangentes, segundo seu contexto histórico, com embasamentos teóricos, fugindo do senso comum e das aparências, criando formas efetivas de transformar a realidade desse usuário, mas respeitando suas especificidades.
 Dimensão Técnico operativa : Segundo o Toniolo , debruçado em autores como(Carvalho e Iamamoto, 2005)   e Netto(2005), o Serviço social surge na historia como uma profissão interventiva, que visa promover  mudanças  no cotidiano da vida social das populações atendidas, tornando assim a visão prática(técnico – operativa), objeto de estudo da profissão.
       A competência técnico – operativa tem por objetivo conhecer e apropriar se do conjunto de habilidades técnicas para atendimento da população usuária e exigências das instituições contratantes( Estado, empresas privadas, ONG e etc.) que conhecedor da realidade social e institucional irá garantir uma boa qualidade do serviço no qual atuará como um mediador de tensões, pois a todo momento lhe é imposto demandas de formas contraditórias, provenientes dos empregadores x trabalhadores.
      Para o autor articular as três dimensões já descritas por (Carvalho e Iamamoto, 2005) não é uma tarefa fácil necessita de uma articulação entre a teoria e a prática, que vai da investigação até a execução da prática .  Para Toniolo a profissão do Assistente Social ocupa um lugar privilegiado no mercado, por ser um profissional apto á enxergar a realidade social de forma clara sem mascaras e isso faz com que este diversifique as possibilidades de intervenção. Mas ressalta que o processo de conhecimento não se encerra no âmbito acadêmico, mas tem que ser prolongado e utilizado na cotidianidade profissional.

Um comentário:

  1. Muito boa suas colocações sobre as três dimensões do Serviço Social. Concordo plenamente quando vc cita que as três não podem ser separadas uma da outra, pois sabemos que uma completa a outra. Se o profissional utiliza-las com certeza este desempenhará um bom trabalho junto a sociedade.

    ResponderExcluir